Sub-20: Goleiro devolvido ao ASA rebate acusações da direção do CRB

Devolvido ao ASA pela direção do Clube de Regatas Brasil (CRB) sob alegação que teria se recusado a treinar, o goleiro Luiz Mach falou com o Top Esporte e rebateu as informações repassadas pelo Galo.

“Na verdade o que aconteceu é que no sábado, no dia que jogamos a semifinal, eu treinei de manhã com os atletas profissionais e senti o adutor, mas mesmo assim fui para o jogo e quando subi para o aquecimento eu comuniquei ao preparador de goleiros que estava sentindo dores e não daria para fazer tudo que sempre fazemos nos aquecimentos, mas fiz o trabalho”, comentou o goleiro.

Luiz Mach ainda foi mais além: “ Recebemos a informação que teríamos que treinar com o profissional no domingo, como estava machucado respondi apenas com um simples oche e não falei nada mais, daí o preparador olhou para o outro goleiro e com muita arrogância disse que só quem iria treinar era o outro goleiro e que eu não precisaria ir mais”, completou o goleiro.

Mach disse ainda que o preparador de goleiros deve ter entendido errado e que da forma que o treinador reagiu, ele pegou suas coisas e foi embora porque não queria quebrar a cabeça. Na segunda-feira (20), recebeu uma ligação da direção ASA informando que a direção do CRB estava devolvendo ele ao alvinegro.

Luiz Mach foi emprestado ao CRB para reforçar o time sub-20 nas decisões do Campeonato Alagoano da categoria.