STJD não aceita pedido de impugnação do CSA e resultado contra o Flamengo é mantido

Lance polêmico com William Arão na área do Flamengo — Foto: Reprodução TV Globo
Foto: Reprodução SportTV

O esperado aconteceu. O CSA teve o pedido de impugnação da partida contra o Flamengo vetado. Ao analisar o pedido do Azulão do Mutange, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) considerou que não houve erro direto da arbitragem e o resultado do jogo foi mantido. Na ocasião do Flamengo venceu o CSA por 2 a 0.

Contratado pelo CSA, o advogado Osvaldo Sestário entrou com o pedido no dia 14 de junho, mas nesta sexta-feira (28), o presidente do STJD, Paulo Salomão Filho, indeferiu o pedido.

Confira o despachado do presidente do STJD: “Com efeito, não há na exordial apresentada pelo clube impugnante nem mesmo menção à qual regra ou norma teria sido violada pelo árbitro da partida, tudo a corroborar a completa inadequação da via eleita pelo clube “, explicou Salomão.

Salomão disse ainda que o pedido de impugnação não deveria nem ter sido feito, pois não caberia.

Entenda o caso

O CSA se sentiu prejudicado porque não teve um pênalti marcado aos 31 minutos do primeiro tempo, após uma disputa de bola na grande área. A bola, tocou no braço de William Arão, o árbitro Marcos Flores consultou o VAR e interpretou lance normal, mandando o  jogo seguir.