Flamengo evita desgaste com Fluminense e dará próximo passo após decisão de Pedro

Pedro pelo Fluminense
Pedro pelo Fluminense Foto: Marcelo Theobald / Agência O Globo

O contexto da negociação entre Flamengo e Pedro envolve mais do que dinheiro. A diretoria rubro-negra repete a estratégia de impôr poderio financeiro e manter a calma durante as conversas, mas não deseja desgastar as relações com o Fluminense – seu parceiro comercial. Porém, há uma brecha na busca pelo camisa 9: caso o jogador queria sair, haverá um esforço. Esta será a possibilidade explorada.

De acordo com o jornalista Mauro Cézar, a proposta enviada foi de R$ 48 milhões por algo em torno de 75% dos direitos federativos de Pedro. Presidente do Fluminense, Mário Bittencourt declarou que o atacante “só sairá mediante ao pagamento da multa rescisória”. Ciente, o Rubro-Negro já esperava as declarações e deixou o Tricolor à vontade para decidir se quer, ou não, abrir negociação.

O Fluminense é parceiro comercial na gestão do Maracanã e manter uma boa relação é considerada importante na Gávea. Devido a isso, a proposta inicial foi enviada diretamente ao clube. Após a recusa, o Rubro-Negro segue em modo de espera e aguarda que Pedro dê o próximo passo.

Caso o movimento do jogador seja positivo, as conversas ganharão um novo capítulo. O Flamengo avalia fazer outra proposta, mas, no momento, descarta pagar a multa rescisória de 50 milhões de euros (cerca de R$ 220 milhões). Ainda são passos iniciais durante de uma novela que deve durar todo o mês de julho.

Pelo lado do Fluminense, a venda para o Flamengo não é bem vista. Perder o principal jogador para o maior rival vai de encontro com as promessas de Mário Bittencourt durante a campanha presidencial. As chances são vistas como remotas, mas a frase “impossível não existe no futebol” é dita internamente. O clube aguarda a abertura da janela europeia para avaliar a situação.

Já o staff de Pedro aguarda o desenrolar da história e tenta blindar o atleta. O atacante não participou das conversas entre Flamengo e Fluminense e ainda não se manifestou sobre o caso. A ida para a Europa segue sendo prioridade, mas a opção de ir para o Flamengo – ganhando o dobro do salário atual – não está descartada.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Diogo Dantas e Marcello Neves

EXTRA.GLOBO