O elenco vascaíno, que vem treinando forte na pausa da Copa América, recebeu nesta segunda-feira um grande ânimo para encarar a intensa maratona de treinos. O clube pagou os salários de março (direitos de imagem) e abril (CLT) para os jogadores. Os funcionários também receberam o salário referente à abril. Vale lembrar que os salários de março (CLT) dos atletas foram pagos anteriormente.

A diretoria atrasou em um dia útil a quitação desses atrasados, já que havia prometido o pagamento na última sexta-feira. Atualmente o Vasco deve os meses de abril (direitos de imagem) e maio (total) para o elenco, além de dever aos funcionários o salário de maio e mais 13º e férias de 2017.

O Conselho Deliberativo do Vasco vai votar na próxima sexta-feira o empréstimo de R$ 20 milhões que, de acordo com o presidente Alexandre Campello, vão solucionar os atrasos salariais. A diretoria já havia conseguido a aprovação de um empréstimo de R$ 10 milhões, no entanto, não pôde ser consumado a tempo.