Ídolo do Sport, Magrão continua sumido, desperta boatos e recebe prazo da diretoria

Resultado de imagem para goleiro magrão sport
Fonte: Globoesporte

Pelo quarto dia seguido, o goleiro Magrão, ídolo do Sport, não compareceu aos treinamentos e sequer deu notícias à diretoria sobre seu paradeiro. A situação tem despertado uma onda de boatos entre os torcedores, que especulam os motivos do sumiço. A principal suspeita é de que ele decidiu se aposentar. A conduta de desaparecer sem aviso, no entanto, preocupa a diretoria.

Diante da demora do goleiro em dar qualquer notícia, o clube vai esperar até terça-feira para obter alguma informação sobre ele. Caso isso não aconteça, aí sim vão unir esforços para procurá-lo. A postura de não ir atrás do jogador incomoda alguns torcedores, que avaliam tratar-se de um descaso com o ídolo.

Em entrevista concedida em 2016, Magrão afirmou que quando decidisse se aposentar, simplesmente não apareceria para treinar. “Eu sempre falo que quando eu parar, vai ser de uma hora para a outra. Não vou falar que vou parar no final do ano ou no ano que vem. Quando não ver o Magrão mais e perguntar por que não veio, é porque parou”, disse não ocasião.

O caso
Magrão não deu as caras após nove dias de folga e não entrou em contato para justificar a ausência. Já são duas faltas do veterano. Apesar do clima ruim, o Leão trata o assunto com cautela e não estuda punir o goleiro. Internamente, inclusive, alguns dirigentes admitem a aposentadoria do goleiro.Antes da parada para a Copa América, Magrão teria conversado com pessoas próximas admitindo a possibilidade de o jogo contra o CRB, no último dia 11, ter sido seu último na carreira. Após o duelo, alguns jogadores do Sport tiraram foto com ele dentro do campo.

Magrão tem contrato com o Sport até o final da temporada. Com 42 anos, ele chegou ao Leão em 2005. De lá apra cá ele se tornou o atleta que mais vestiu a camisa do clube, com 728 vezes. Além disto, ele conquistou dez títulos, entre eles a Copa do Brasil de 2008 e a Copa do Nordeste de 2014.

 

 

 

 

 

Fonte: Futebol Interior