Em jejum de 12 jogos sem vitórias, Avaí anuncia saída de Geninho

Em jejum de 12 jogos sem vitórias, Avaí anuncia saída de Geninho
Foto: Cristiano Andujar/Futura Press

Geninho não comanda mais o Avaí. O experiente treinador foi desligado em comum acordo após o início ruim na Série A do Brasileiro. Em nove jogos, o Leão da Ilha não conquistou nenhuma vitória e amarga a lanterna com apenas quatro pontos.

O acumulado de partidas sem vencer chega a 12, incluindo estadual e Copa do Brasil. A última vitória foi na rodada final da primeira do Catarinense, contra a Chapecoense, no dia 7 de abril. Depois, na semifinal e final do estadual, o time avançou e foi campeão com dois empates e triunfos nos pênaltis.

Agora, o Avaí vai ao mercado para anunciar um novo comandante antes do início da intertemporada, marcada para começar no dia 24 de junho. A equipe vai para Águas Mornas, tradicional reduto do Leão da Ilha.

– Tenho muito carinho pelo Avaí e uma amizade muito grande pelo presidente Battistotti. Acredito que com a minha saída, o novo treinador conseguirá ter sucesso. Sei do potencial desta equipe e da força que tem o Avaí – disse Geninho ao site oficial do clube.

– Geninho nos ajudou muito em suas duas passagens, conquistando acessos e o título de Campeão Catarinense deste ano. Deixa as portas abertas para um dia retornar ao Avaí, quem sabe como CEO do futebol. De imediato, estamos trabalhando, junto com o Departamento de Futebol, para definirmos o novo treinador e anunciá-lo o quanto antes – afirmou o presidente Francisco Battistotti.

A primeira vez que ele comandou o Leão foi em 2014 quando conquistou o acesso à Série A. Voltou em 2018, logo no início da Série B, para substituir o demitido Claudinei Oliveira e levou o time novamente de volta à elite nacional. Na atual temporada, conquistou o título catarinense com a vitória sobre a Chapecoense.

Na Série A, alertou da falta de opções no elenco, principalmente no ataque. Pela competição, foram nove jogos, quatro empates e cinco derrotas – apenas 14,8% de aproveitamento. A última partida no comando foi a derrota para o Palmeiras, por 2 a 0.

Até anunciar o novo treinador, o Avaí será comandado por Evando, auxiliar fixo do clube. A equipe volta a campo no dia 13 de julho, contra o Fortaleza, na Arena Castelão. A direção do Clube encaminha a contratação do técnico Alberto Valetim, ex-treinador do Palmeiras, Botafogo e Vasco.

Valentim estava sem clube desde a saída do Vasco e deve chegar em Florianópolis nesta semana para assinar contrato.

Fonte: Globoesporte / SC