Polônia ameaça complicar, mas Brasil se impõe e vence de virada

Semana 100%. Diante dos primeiros desafios pela Liga das Nações, o Brasil passou invicto pela semana 1 do torneio, que aconteceu na Polônia. Neste domingo, a Seleção encarou os donos da casa, em um ginásio lotado e venceu por 3 sets a 1, de virada, com parciais de 22/25, 25/15, 25/21 e 25/17. Apesar de começar surpreendido pelos anfitriões, o Brasil se recuperou rapidamente e confirmou a superioridade técnica.

Antes dos poloneses, o Brasil bateu os Estados Unidos na estreia e a Austrália. A semana 2 da Liga das Nações inicia no dia 7 de junho, contra o Irã, no Japão.

Mesmo diante da animada torcida que lotou o ginásio, o jogo começou com o Brasil na frente, fazendo bons trabalhos explorando o bloqueio adversário. A Polônia, no entanto, não permitia que os visitantes abrissem uma vantagem e, graças à isso, na metade do set conseguiu reverter o placar. Foram os poloneses quem se distanciaram o suficiente para ter um certo conforto e, sem conseguir dar a resposta, a Seleção não foi capaz de evitar que os europeus fechasse a primeira parcial.

No segundo set o Brasil repetiu a dose e largou na frente, mas o decorrer do jogo caminhou diferente. Dominante e forçando erros da Polônia, a Seleção teve bastante facilidade para neutralizar o ataque adversário e fez uma ótima parcial de recuperação, ganhando por dez pontos de diferença.

O empate deu mais gás ao time brasileiro e logo no começo do terceiro set, o Brasil abriu alguns pontos de margem. Mas a Polônia não permitiu que o cenário da segunda parcial se repetisse e se manteve sempre na cola do marcador. Não o suficiente para ameaçar a liderança da Seleção, que administrou a vantagem e virou a partida.

O quarto set começou com uma alternância de pontos e as seleções não conseguiam se desgarrar no placar. No entanto, novamente no meio do set, o Brasil se soltou e encontrou a superioridade de outros momentos da partida. Seguros e eficientes, os brasileiros não.

 

 

 

Fonte: Gazeta Esportiva