Adversário do ASA, Campinense perde para o Náutico e está fora da Copa Nordeste em 2020

Foto: Paraibaonline

Foi aos 43 minutos do segundo tempo, mas foi. Nesta quarta-feira, no Estádio dos Aflitos, o Náutico fez 2 a 0 no Campinense, virou o resultado no agregado e conseguiu uma vaga na Copa do Nordeste de 2020. A partida foi válida pela fase de qualificação do torneio regional.

Na partida de ida, o Campinense venceu por 2 a 1, de virada, e dependia de somente um empate para garantir uma vaga na fase de grupos da Copa do Nordeste de 2020. O resultado de 1 a 0 levava a disputa para os pênaltis.

Esse foi o primeiro jogo dessa passagem do técnico Gilmar dal Pozzo no comando do Náutico. O comandante do Timbu assumiu o posto depois da demissão de Márcio Goiano.

Nos minutos iniciais de confronto, a pressão do Náutico foi tão intensa que os mandantes até chegaram a balançar as redes, mas de maneira irregular. Depois de bom momento na partida, Camutanga aproveitou cruzamento de escanteio e anotou o gol – no entanto, a arbitragem já havia marcado que a bola teria saído na cobrança de Odilávio.

Pouco a pouco, o Campinense foi acordando no jogo e começou a ameaçar a meta do Timbu. Aos 20, os visitantes marcaram com Erivan, mas o bandeirinha acusou impedimento.

Na segunda etapa, o Náutico enfim inaugurou o marcador. Aos 11 minutos, Luiz Henrique fez cruzamento na medida para Odilávio, que finalizou no canto de Wagner Coradin: 1 a 0.

Já perto do apito final do árbitro, o Náutico conseguiu o gol da salvação e da classificação. Aos 43, Rafael Oliveira aproveitou outro cruzamento para a área e conferiu às redes, fazendo o 2 a 0 – placar suficiente para dar uma vaga na Copa do Nordeste de 2020 para o Timbu.

Ficha técnica

Náutico 2 x 0 Campinense

Data: 15/05/2019 – 21h30
Local: Estádio dos Aflitos / Recife
Competição: Pré-Copa do Nordeste 2020 (volta)

Arbitragem: Mayron Frederico dos Reis; Antônio Fernando de Sousa Santos e Raphael Max Borges (Maranhão)

Cartões amarelos: Camutanga, Bruno, André Krobel (N); Gustavo, Negretti (C)

Gols – Odilávio, (aos 11’ do 2°T) para o Náutico, Rafael Oliveira (aos 43’ do 2ºT) para o Náutico

Náutico: Bruno, Hereda (Matheus), Camutanga, Sueliton e André Krobel; Josa (Rafael Oliveira), Luiz Henrique e Jhonathan; Thiago, Odilávio (Tarcísio Martins) e Wallace Pernambucano. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Campinense: Wagner Coradin, Gustavo, Henrique Mattos, Richardson e João Victor; Negretti, Ferreira e Gabriel (Yerien); Warlei (Vitor Maranhão), Erivan (Chaveirinho) e Lopeu. Técnico: Francisco Diá.