Técnico do CEO comanda coletivo e monta time para enfrentar o CSA

Técnico Carlos Humberto do CEO comanda coletivo e monta time para enfrentar o  CSA

O CEO entra em campo mais uma vez fora de casa neste domingo (24) e espera ter a mesma sorte que teve na vitória sobre o Murici por 3×1 que manteve o time sertanejo  no grupo de classificação para as semifinais do Campeonato Alagoano. O próximo desafio do time de Olho d’Água das Flores será contra o CSA, em jogo que pode valer à liderança do campeonato. A partida irá acontecer no estádio Rei Pelé ás 16:00 horas  em Maceió, Alagoas.

A equipe sertaneja teve duas semanas inteiras para se preparar, para tentar surpreender o rival jogando no Estádio Rei Pelé. O técnico Carlos Humberto e o Auxiliar Neto Bala aproveitaram a semana cheia para corrigir os erros e aprimorar os acertos. “De segunda a quinta-feira trabalhamos na parte técnica, tática e física como também bolas paradas”, disse o treinador.  Já nesta sexta – feira (22) aconteceu o treino apronto para definir o time que irá a campo para enfrentar o CSA.

Humberto disse ainda “O time está definido e deverá ser o mesmo que enfrentou o Murici”. A partir de agora os atletas entram em regime de concentração. A delegação viaja  no sábado por volta das 18:30 para capital Maceió  onde ficará hospedada em hotel próximo ao estádio  até a hora do jogo.

O CEO  venceu nas últimas duas rodadas. A única derrota na competição foi na primeira rodada, quando o time levou 2×1 do Jaciobá de Pão de Açúcar  na cidade de Arapiraca. O time sertanejo está com duas vitorias, um empate e uma derrota.

Confira histórico entre CEO e CSA pelo Campeonato Alagoano

As equipes  de CEO e CSA se enfrentam desde 2012. O primeiro encontro foi na capital alagoana e terminou 0x0. Última vitória da equipe sertaneja foi em 2015, na semifinal do primeiro turno, ao fazer 1×0 jogando em casa. A única vitória do CEO em Maceió foi em 2013, ao ganhar por 3×1.

Já  CSA leva vantagem no histórico e soma sete vitórias, com o time sertanejo tendo vencido em três oportunidades. Foram três empates. O time azulino fez 16 gols e sofreu nove.

Na temporada passada, o jogo em Olho d’Água das Flores terminou 2×0 para o CSA, com gols dos meias Daniel Costa e Didira. A última partida em Maceió foi em 2017. Também deu Azulão por 2×0. O CSA vem de quatro vitórias seguidas contra o CEO.

 

 

 

 

 

Top Esporte com Rota do Sertão