Marcos Barbosa diz que pode concorrer à reeleição no CRB

Resultado de imagem para marcos barbosa crb
Presidente do CRB, Marcos Barbosa; foto: Reprodução

Após o CRB vencer por 2×1 o Figueirense no Rei Pelé e a confirmação da permanência na Série B em 2019, o presidente do Galo, Marcos Barbosa, em tom de desabafo concedeu entrevista e revelou que o estatuto do clube deixa claro que ele pode concorrer à reeleição por mais um período e descartou a possibilidade de erro no planejamento durante a temporada.

“Tivemos problemas psicológicos entre os jogadores. Oferecemos todas as condições para que eles jogassem e ocorressem tudo bem”, disse.

Barbosa aproveitou o momento para defender o seu legado no Galo, e ainda projetou o nome de Alarcon Pacheco para continuar à frente da direção de futebol regatiana caso continue na presidência do clube.

“Quem disser que o estatuto não permite, precisa aprender a ler e interpretar o que lá está escrito. Ao longo deste ano, contratamos o que havia de melhor para o CRB. Sempre, ao realizar a contratação, o objetivo era ter sucesso e não o contrário. Acredito que, na verdade, problemas psicológicos afetaram os jogadores. Porque nessa reta final, nestes últimos 11 jogos, eles tiveram uma postura totalmente diferente dentro de campo. Os números estão aí. Isso mostra que não erramos”.

“Quando o Alarcon contratou e acertou, ninguém falou nada.  Algumas vezes, até a própria imprensa mostrava que ele estava no caminho certo para a montagem do elenco. Agora, quando o resultado não é o esperado as pessoas vivem criticando, falando mal. Falaram até da minha mãe e do meu pai. Mas isso não me abalou. A gente contrata pensado em acertar”, reforçou Barbosa. Sobre o acesso do CSA à Série A, Marcos Barbosa se limitou a dizer que “não vai desejar ódio a ninguém. E que esse ano foi deles [azulinos], após passar uma década sem ganhar nada”, finalizou.

 

 

 

Fonte: TopEsporte com agências

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *