Diego Renan quer Figueira concentrado para confirmar permanência na Série B

Diego Renan Figueirense — Foto: Vinicius Nunes/FFC
Diego Renan Figueirense — Foto: Vinicius Nunes/FFC

O Figueirense praticamente eliminou qualquer chance de rebaixamento, mas a simples possibilidade de isso ocorrer deixa o grupo preocupado para a última rodada da Série B. O Furacão viaja até Maceió para encarar o CRB, também ameaçado pelo descenso, e precisa pontuar para carimbar a vaga na Segundona de 2019.

O risco, menor que 1%, segundo estudo da Universidade Federal de Minas Gerais, faz com que o grupo encare com seriedade a última semana de trabalho do ano. Diego Renan classifica o jogo contra o CRB como importante para clube e atletas.

– Encarar com muita seriedade, sabendo que existe uma chance mínima de rebaixamento. Lógico que depende de outros resultados acontecerem também. É uma semana para trabalhar concentrados, com consciência que é uma partida importante, não só para o clube, mas para nós jogadores também para deixar o clube onde recebeu – disse o lateral.

A combinação de resultados precisa ser grande para que o Figueirense seja rebaixado. Além de perder para o CRB, é necessário que Criciúma, Oeste e Paysandu vençam seus compromissos. Além disso, o Papão, que hoje abre o Z-4, precisa tirar uma diferença de seis gols de saldo.

– É um sentimento de frustração, de tristeza, pelo início que tivemos. Sabíamos que ia ter oscilações, mas infelizmente teve um momento que ficamos muito tempo sem vencer. Fez distanciar do acesso. Todos ficamos chateados pelo desempenho na competição. É tentar vencer para fechar a competição com uma vitória – falou Diego Renan.

A partida contra o CRB está marcada para o sábado, às 17h (de Brasília). Com 46 pontos o Figueira está na 13ª colocação e precisa de um empate para escapar do rebaixamento.

Fonte: Globoesporte/SC