Fluminense encara Deportivo Cuenca nas oitavas da Sul-Americana

Copa Sul-Americana é a única chance de título do Fluminense no ano (Foto: Mailson Santana/Fluminense)

O Fluminense visita o Deportivo Cuenca, nesta quinta-feira, às 19h30(de Brasília), no Estádio Casablanca, em Quito, no Equador, pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O torneio é tratado pelo Tricolor, que vem de derrota por 3 a 1 para o Atlético-PR pelo Campeonato Brasileiro, como a chance real de um título na temporada.

O treinador Marcelo Oliveira viu o Tricolor eliminar o Defensor do Uruguai com facilidade na fase anterior, ganhando por 2 a 0 em casa e por 1 a 0 como visitante. Mas, desta vez, o time tem o agravante de o jogo ser em uma altitude superior a 2.500 metros.

“Estou me preparando psicologicamente para a altitude. Nunca joguei e sei que é complicado. Vamos focar para conseguir um bom resultado no primeiro jogo. É um momento de virar a chave, esquecer o Brasileiro e focar na Sul-Americana. Queremos fazer um bom jogo para decidir no Rio”, disse o atacante Everaldo.

O técnico do Fluminense pediu a seus comandados atenção com chutes de fora da área e jogadas pelo alto. “Sabemos que vai ser um jogo complicado na altitude, mas precisamos estar atentos pois não podemos sofrer gols bobos, como aconteceu, por exemplo, no fim de semana contra o Atlético-PR. Em um torneio mata-mata o peso desses erros é ainda maior”, declarou.

Para este compromisso o Tricolor não terá o volante Dodi, com lesão muscular na coxa esquerda, e o atacante Kayke, que já defendeu o Bahia na competição e não pôde ser inscrito. Aírton e Matheus Alessandro disputam a vaga no meio-de-campo, enquanto que o equatoriano Junior Sornoza reaparece na criação, com Luciano jogando mais adiantado no ataque ao lado de Everaldo.

O Deportivo Cuenca eliminou o Jorge Willstermann, da Bolívia, nos pênaltis, após dois empates por 2 a 2, na última fase da competição. O técnico Richard Páez vai manter a base que vem jogando o torneio e conseguiu colocar na cabeça dos jogadores a necessidade de fazer um bom resultado na altitude.

“Nós precisamos tirar proveito desta questão da altitude, pois podemos fazer um bom resultado e termos tranquilidade na partida de volta”, comentou o volante Marco Mosquera.

O Deportivo Cuenca empatou sem gols com o Guayaquil City no fim de semana e aparece na parte intermediária da tabela de classificação do Campeonato Equatoriano. O duelo de volta entre Fluminense e Cuenca será em 4 de outubro, no Maracanã.

Quem avançar do confronto vai enfrentar nas quartas de final o vitorioso do embate entre o San Lorenzo, da Argentina, e o Nacional, do Uruguai. Na ida os dois times duelaram na Argentina e o time da casa ganhou por 3 a 1.

 

FICHA TÉCNICA

DEPORTIVO CUENCA-EQU X FLUMINENSE-BRA

 

Local: Estádio Casablanca, em Quito (Equador)

Data: 20 de setembro de 2018 (Quinta-feira)

Horário: 19h30(de Brasília)

Árbitro: Alexis Herrera (Venezuela)

Assistentes: Jorge Urrego (Venezuela) e Juan Soto (Venezuela)

DEPORTIVO CUENCA: Brian Heras, Brian Carabalí, Anthoni Bedoya, Luca Sosa e Carlos Cuero; Marco Mosquera, John Rodríguez, Jonathan De la Cruz e Enamnuel Martínez; Juan Diego Rojas e Jacson Pita

Técnico: Richard Páez

FLUMINENSE: Júlio César, Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Aírton (Matheus Alessandro), Jadson e Junior Sornoza; Everaldo e Luciano

Técnico: Marcelo Oliveira

 

 

 

 

FONTE – GAZETA ESPORTIVA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *