Depois de Ronaldinho no PRB, Vanderlei Luxemburgo se filia ao PSB

Depois de Ronaldinho no PRB, Vanderlei Luxemburgo se filia ao PSB
REUTERS

 

 

 

 

Dois dias após Ronaldinho Gaúcho se filiar ao PRB, partida ligado à Igreja Universal do Reino de Deus, o técnico Vanderlei Luxemburgo se filiou ao Partido Socialista Brasileiro (PSB), nesta quinta-feira (22).

De acordo com a revista Veja, o treinador ainda não sabe a qual cargo vai se candidatar para disputar as Eleições 2018.

Recentemente, Luxa disse em uma entrevista ao jornal “Correio Braziliense” que é uma pessoa de “esquerda”.

“O meu avô foi do Sindicato dos Ferroviários do Rio. Era foragido e foi morar no Rio, onde eu nasci. Ele foi perseguido na época da ditadura. Meu pai era gráfico, brigava contra a ditadura e também foi foragido. Meu sobrenome é inspirado na Condessa Rosa Luxemburgo, que era polonesa. Inspirado em pessoas de esquerda. Meu avô era pobre, torneiro mecânico, mas era culto. A minha resiliência nasceu da luta da minha  família. Eu me tornei um homem de esquerda. Fui presidente de diretório acadêmico, briguei contra o processo ditatorial”, afirmou o técnico, que está sem clube no momento.

Na mesma entrevista, Luxemburgo atacou o juiz Sérgio Moro.

Vale ressaltar que Vanderlei Luxemburgo e Ronaldinho Gaúcho trabalharam juntos no Flamengo, em 2012, e o treinador acabou deixando o clube após se desentender com o craque.

 

 

 

FONTE – NOTÍCIAS AO MINUTO